“Um deus salgado na língua” por Macvildo Bonde

Inicio/INFORMACIÓN/Palavra Comum/“Um deus salgado na língua” por Macvildo Bonde

“Um deus salgado na língua” por Macvildo Bonde

  1. A foz do tédio atola a vaidade da maçaneta, rompe o mistério pendurado nos fios de algodão agreste. Entoo uma canção, o aguilhão do medo nas horas densas. Os braços ocos pela magia do metal, perturbam a quietude […]

O post “Um deus salgado na língua” por Macvildo Bonde aparece primeiro no Palavra Comum.

Source: Palavra comum

2018-09-21T08:00:28+00:00 21 / 09 / 2018|Palavra Comum|