Palavra comum

Inicio/Palavra comum

About Palavra comum

Este autor no presenta ningún detalle.
So far Palavra comum has created 127 blog entries.

Raias Poéticas 8: 24-25 de maio em Vila Nova de Famalicão

2019-05-22T09:19:39+00:00 22 / 05 / 2019|Palavra Comum|

PROGRAMAÇÃO___ RAIAS POÉTICAS: AFLUENTES IBERO-AFRO-AMERICANOS DE ARTE E PENSAMENTO 23 Maio Casa do Território( parque da Devesa) 24 >25 Maio Casa das Artes VILA NOVA DE FAMALICÃO PORTUGAL CURADORIA: Luís Serguilha Organização: Associação RAIAS-POÉTICAS Apoio: Câmara Municipal de Famalicão Source: Palavra comum

6 poemas de Luís Mazás

2019-05-21T09:53:29+00:00 21 / 05 / 2019|Palavra Comum|

Sentado, no preâmbulo da mentira, salivei os meus lábios em vão para depois ficar mudo, retirado à solidão das quimeras, deixando de jogar com as vidas, suportando a ação da faca insensível, Source: Palavra comum

“Manhã Piscina Caixa Gravação” por Pedro Góis Nogueira

2019-05-14T06:53:12+00:00 14 / 05 / 2019|Palavra Comum|

Depois de uma leitura de Luiz Pacheco (Exercícios de Estilo) do melhor da literatura portuguesa do século XX, a espaços, entre poças (tantas poças), gente esfomeada, pobre gente, pobre miséria de gente. Escrever português, literatura dura, pura, de essência: aberturas revolucionárias, arte & estilo, estratégia ataque-ataque, tiradas marciais, sublimadas carpintarias. Source: Palavra comum

10 poemas de Anna Apolinário

2019-05-03T06:47:27+00:00 03 / 05 / 2019|Palavra Comum|

Teus vocábulos são lobos vociferando nos vãos de minha vigília. Negros chacais riscando sílabas em minha cintura. Percorrendo a cordilheira encarnada de meus cabelos. Source: Palavra comum

“Casebre” um conto de Jaime Soares

2019-05-02T06:57:26+00:00 02 / 05 / 2019|Palavra Comum|

O medo está inscrito no nome de família.A luz do sol ia de encontro a uma garrafa. Era uma garrafa verde. Havia alguns buracos na garrafa devido à força daquele clima e à acção de transeuntes. Era um dia de nuvens cinzentas, e o vento soprava cada vez mais. Mas o político estivera no centro [...]

5 poemas de Renan Reis

2019-04-24T07:10:30+00:00 24 / 04 / 2019|Palavra Comum|

resista. os papéis estão cheios,não há quadros na sala, o quarto é vazio e cansaço, mas existem os maus poemas para serem escritos, basta ouvi-los, escutá-los. Source: Palavra comum

“Falar é morder uma epidemia”

2019-04-17T06:49:09+00:00 17 / 04 / 2019|Palavra Comum|

Entro no livro-rizoma de Luis Serguilha por uma brecha que se abriu ao longo de minha leitura, escavada pelos ecos das vozes ressonantes do pensamento múltiplo de Gilles Deleuze. Source: Palavra comum

Load More Posts